segunda-feira, 14 de junho de 2010

Dificultando

O que dizer de um país livre da ditadura militar a quase 30 anos, e que ainda "prende" jovens em processo de alistamento?

No Brasil, todo jovem (masculino) vai precisar um dia passar por isso, pelo simples fato de ser obrigatório! Mas e a liberdade de escolha, não há?

Muitos gostariam de ter uma carreira militar, vivenciar um padrão de postura diferente, representar a nossa bandeira de forma alternativa, mas outros não gozam desta vontade, seja por problemas pessoais ou por não ser a opção de vida escolhida. E é nessa simples escolha que entra a questão.
Não seria mais fácil treinar um rapaz motivado, mesmo com pouca instrução, mas disponível a obedecer e acatar tudo que lhe é imposto! Ou ordinariamente fazer de gato e sapato um simples conscrito, que cursa uma faculdade, ou filho único de mãe solteira, casado, com filhos e outros milhões de exemplos que eu poderia dar aqui, ficar submetido ao quartel e preso as normas militares, já que nossa constituição "pune" as empresas caso um funcionário de carteira assinada seja convocado a servir a continuar pagando seu INSS. Qual empresa em plena consciência contrata um rapaz com pendência militar?

São dificuldades que muito jovens (e eu estou incluso neste barco) passam nesta fase da idade. O exercito forma homens mais preparados? Com certeza, mas a escolha está sendo feita corretamente?

Hoje escutei de um amigo que sonha em servir que o sistema de alistamento é muito falho, e sou obrigado a concordar, e temo que se sejam falhos só em um único processo, que sejam falhos em vários aspectos.
Deixo bem claro que está crítica não é feita aos militares ou ao militarismo, tenho parentes e amigos que as forças armadas deram uma oportunidade melhor de vida, está crítica é feita ao sistema, ao prejudicial causado a um jovem.

Gostaria de encerrar este post com uma simples observação para o governo; vocês não querem ter um padrão tão americanizado? Parem de forçar o alistamento então, lá, alista-se quem quer, e fica quem pode. Creio que vocês poupariam bastante tempo também, por que afinal, os filhos de vocês são "peixes" né!?

5 comentários:

Weliton disse...

Muito pertinente levantar essa questão presente na vida de todos os jovens (masculinos) brasileiros que, por força da obrigação, devem se alistar nas forças armadas.
Isso pontua falhas na formação educacional e cultural do país, principalmente no que diz respeito ao espírito patriótico. E, sentimos falcilmente esse sintoma.
Acredito que não por culpa do povo brasileiro, antes pela degradação da maioria dos nossos representantes políticos nas mais diversas esferas.
Se não temos, por parte do Homem Público, exemplos de verdade, honestidade,coerência e outros valores que tornam o homen livre, como viver essa liberdade no privado?
Aí entra a característica própria do nosso povo: vivemos esses valores com e, a partir da consciência e ação de cada um. Num todo formamos um povo solidário, alegre, fraterno. Mas não livres, com tanta situação de corrupção, desigualdade econômica, empobrecimento.
Somos reféns de um poder público que não é de fato o que deveria ser. E, no caso dos jovens, que tem que alistar-se nas forças armadas, tornam-se reféns de um "patriotismo" que se expressa pela força (obrigatoriedade)sem ter a garantia de exerce-la pela liberdade de uma verdadeira opção.

Mother disse...

Muito bom este tema. Aliás é a primeira vez que o vejo sendo abordado com tanta responsabilidade, porque você Graças a Deus e a seus pais tem dinheiro de passagem, de lanche e que não fará falta em atender as solicitações das forças armadas, mas e quem não tem. Do que me recordo eles marcaram para um local, de lá te direcionaram para outro local (04 passagens), teve que voltar essa semana (2 passagens) e remarcaram para o mês que vem (2 passagens). E esperamos que a saga enfim finalize. Quase 20reais... E concordando também com você, que a oportunidade seja dada a quem realmente quer, ao rapaz que levantou com uma "motivação", porque motivação significa TER MOTIVO. E esse rapaz tem um real motivo para servir ao País, inclusive SOBREVIVER. Creio que não preciso traduzir essa palavra... beijos meu filho, parabéns!

Luciana disse...

Escolha é a palavra chave aqui!
No nosso caso, brasileiros, ficamos amputados deste direito em todos os aspectos. Entender nosso sistema de alistamento, como muitos dos nossos poderes, é um trabalho para Hércules! Vivenciamos dias de democracia, onde todo o sistema pertence ao século passado, e não vemos um desejo real por parte da sociedade de uma mudança efetiva daquilo que antes nos aprisionou. Precisamos sim, de melhores legisladores, melhores políticos, melhores líderes e melhores brasileiros. Percebemos que toda a estrutura militar que foi fortalecida na ditadura, permanece até hoje, em um estado democrático. É certo que muito disto tudo que achamos irreal, favorece alguém em algum lugar, pelo simples lucro financeiro, pela mera bajulação ou pela esperança de que tudo algum dia, seja como na era de chumbo.

Anônimo disse...

Ha algum tempo atraz fui numa formatura militar e houvi do próprio comandante daquele quartel que para a instituição só interesa os melhores , pelo simples motivo , não querem ter trabalho com marginais . Se pensarmos pelo lado positivo da coisa , não podemos entregar de vez o comando do nosso Brasil a esta escória . Pensando por outro lado , que liberdade é essa que te obriga a ir para quarteis , te obriga a votar ?
Para passar uma lei cheia de falhas como FICHA LIMPA , os caras ficam cheios de isso pode ,aquilo não pode .Ou seja: Recrutar jovens é uma obrigação , tirar os bandidos , será?

Beijos , seu Papi
Parabens

Carol disse...

Bem mesmo não sentindo na pele as complicações
desta obrigação, penso que ela é totalmente errada.
Começa pelo simples fato de ser uma obrigação.E parece
que eles escolhem a dedo justamente aquele que não quer
ficar e acaba tendo que passar não só pela "obrigação" ,
mas também pelas humilhações! Sejamos sinceros todos somos
cientes das atrocidades que ocorrem dentro dos quarteis,
ficar horas em pé no sol sem água, capinar infinitos campos
mais uma vez debaixo do sol, passar frio, fome e por aí vai.
E ainda dizem que isso é para o bem da nação?! Ainda não
entedi no que isso vai melhorar o carater ou fazer melhores
cidadãos!Assim como tudo no Brasil essa é mais uma coisa
que tem que mudar!
No mais, nem preciso ficar babando aqui né!
Muiiito bom! e o pior é que vc escreve isso em 15
minutos! aff
Excelente texto mais uma vez, ótimo tema mais uma vez
e eu li primeiro mais uma vez! rs*
bjaço =*

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...